Telefone Telefones:
(85) 4102.4151 / 4102.4142
Máquinas X Lubrificantes

geradores em fortaleza

Há uma série de fatores que contribuem para entregar equipamentos de alto desempenho, como: a renovação programada do parque de máquinas, que agrega as novas tecnologias desenvolvidas pelos fabricantes; cuidados no manuseio e transporte; além das manutenções preventivas, uma boa prática, que garante uma melhor performance e uma maior vida útil do equipamento.

Neste post, por exemplo, vamos falar de uma prática muito importante: o uso dos lubrificantes. A adoção de uma política de lubrificação adequada, além ampliar a vida do equipamento e de garantir um melhor aproveitamento do seu potencial, também reduz os índices de parada dos equipamentos e os custos com sua manutenção.

O que são Lubrificantes?

São substancias utilizadas para reduzir o atrito, formando uma camada ou filme oleoso entre duas superfícies em movimento, evitando ou diminuindo o contato entre elas e aumentando a vida útil das máquinas.

O atrito é provocado pela aspereza, ou seja, pela rugosidade das superfícies em contato. Quando uma superfície é esfregada na outra, tendem a se interpenetrarem, oferecendo assim, uma resistência ao movimento relativo

Qual a função do lubrificante?

Com a evolução dos lubrificantes, eles passaram a acumular novas funções, além de lubrificar, ele protege contra corrosão, auxiliar na vedação, na transferência de calor e retirada de produtos indesejáveis do sistema. As principais vantagens de ordem técnica, decorre de uma lubrificação fluida são a redução dos desgastes nas peças, a diminuição de perdas por atrito e o aumento da segurança de operação.

LUBRIFICAÇÃO (Controle de atrito)
A função primaria do lubrificante é formar uma película delgada entre duas superfícies moveis, reduzindo o atrito e suas consequências, que podem levar à quebra dos componentes.

REFRIGERAÇÃO (Controle de temperatura)
O óleo lubrificante representa um meio de transferência de calor, retirando calor gerado por contato entre superfícies em movimento, e contribuindo na refrigeração das partes não acessíveis pela agua ou pelo ar.

LIMPEZA (Manter limpo)
Em motores de combustão interna, uma das principais funções é retirar as partículas resultantes do processo de combustão e manter estas partículas em suspensão no óleo, evitando que se depositem no fundo do cárter e provoquem incrustações.

PROTEÇÃO (Controle de corrosão)
Proteger contra a corrosão, evitando que a ação de ácido destrua o metal, oxidação (ferrugem)

VEDAÇÃO
Impedindo a saída de lubrificante e a entrada de partículas.

O nível e a qualidade do óleo lubrificante devem ser monitorados continuamente e substituído sempre que necessário, conforme orientações do fabricante de cada equipamento.

Whatsapp Central geradores